Como tarda a sair o disco e não encontrei a letra em lado nenhum, resolvi passá-la eu. Estejam à vontade para corrigir se encontrarem erros.

“Fado de uma rua qualquer” (Jorge Cruz)

Longe fica a rua onde eu te vi.
E a vida pode recomeçar
onde eu quis sentar-me ao pé de ti
cheio de assuntos para te impressionar.

Refrão:
Pronto para ir ao fim do mundo atrás de ti.
Pronto para ver perder-se a lembrança de mim.
Pronto para ir ao fim do mundo atrás de ti.

Os teus olhos passaram por mim.
Eu tinha a vida a desesperar
e num instante o futuro decidi
ao não decidir, ao congelar.

(Refrão)

É que os fracos não agarram
as hipóteses de mudar.
O que agora só me resta é a dor.
Acordar.

(Refrão)

One string to “sede”

  1. faller says

    no fim é mais:

    “Ahh, é que os fracos não agarram
    As hipoteses de mudar
    Pelo que agora só me resta recordar”